O endocrinologista

Professor Geraldo Medeiros, também conhecido internacionalmente com Prof. Geraldo Medeiros Neto e Prof. Geraldo Medeiros-Neto

  • Um dos maiores especialistas em tireóide no país;
  • Professor Sênior de Endocrinologia, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP);
  • Professor Adjunto, Univ. Miami School of Medicine;
  • Doutor e Livre-Docente de Endocrinologia (FMUSP);
  • Pós-doutorado, Harvard Medical School (Boston, MA);
  • Mais de 290 trabalhos publicados em importantes revistas nacionais e internacionais;
  • Autor ou co-autor de 15 livros publicados;
  • Mais de 40 capítulos de livros especializados em Endocrinologia.


Formou-se em Medicina pela Universidade de São Paulo em 1959, quando recebeu o Prêmio Luis de Rezende Puech (pelo melhor trabalho científico de sua turma). Após dois anos na Universidade de Harvard (EUA), defendeu tese de doutorado em 1967 e tornou-se professor livre-docente em 1973, também pela USP. fundou a Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade em 1975 e a Sociedade Latino-Americana de Tireóide.

Publicou diversos trabalhos científicos em revistas nacionais e internacionais, e já escreveu quinze livros.

É membro do Conselho da International Association for Study of Obesity, da American Thyroid Association e Presidente do Instituto da Tireóide. É Professor sênior do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Dr Geraldo Medeiros recebeu diversos prêmios ao longo de sua carreira. Teve sua contribuição para a ciência reconhecida em 2006, através dos prêmios: “Master Award” oferecido pela American College of Physicians, e “Sidney Ingbar Distinguished Lectureship Award 2006” outorgado pela American Thyroid Association (ATA). A honraria é conferida todos os anos a pesquisadores que fizeram contribuições à compreensão de doenças da tireóide. É a primeira vez que um pesquisador latino-americano recebe o prêmio.